sexta-feira, março 14, 2008

Dá cá uma lambidela, amori!

Há uns dias presenciei algo que me abalou.
Saí para tomar café e pois que a duas ou três mesas de mim estava um casalito, inofensivo à primeira vista. Mas dois minutos depois de alapar este meu rabinho (que de inho já não tem muito) percebi que estava enganada.
Perante mim estava um destes casais vamo-nos-comer-aqui-como-se-não-houvesse-amanhã.
Rapidamente dei por mim a pensar "porque é que não vão para casa?? São 11h da noite, podiam estar a partir o quarto" (ou a sala, ou a cozinha, a banheira... enfim, pelo que vi, qualquer uma destas hipóteses é demasiado ortodoxa!).
Mas não, estavam, e estiveram, alí horas a fazer concursos de língua mais comprida, maior produtor de saliva, quem aguenta mais tempo sem precisar de um balde de água fria...
Será que aqueles seres não tinham casa? Será que vivem com os papás ou avós, têm uma vizinha chata? será que não têm pelo menos um carro? Será que não perceberam que até numa viela qualquer era melhor?
Tudo bem, eu sou ressabiada, não gosto de parzinhos em geral. Mas juro, JURO!, que isto nada tem a ver com a minha alergia a romances! Eu até sou capaz de dar beijinhos em público...(da última vez devia ter praí 5 aninhos)...
Alguém me explica? Assim dá mais pica?? Talvez a ideia seja chegarem bem quentinhos à cama...LOL

2 comentários:

Anónimo disse...

Com 5 anos?
Quando se está fantasiado nao conta?

Rute disse...

lololol isto é caso pra dizer "Ai meu deeeeus"